Aprendendo a ouvir. Com uma professora surda.

por Rafa

Aos oito anos, Evelyn Glennie começou a sofrer uma perda severa de audição. Aos 12 estava surda.

Ela estudava percussão na época. Decidiu não abandonar a música.

Aos 19, se graduou pela Royal Academy of Music de Londres. Desde então, nunca mais parou de tocar.

Hoje Evelyn Glennie é uma uber percussionista virtuosa, professora e compositora, dona de um currículo invejável. E a primeira percussionista da história solista em tempo integral.

Ja tocou com Nana Vasconcelos, Kodo, Bela Fleck, Bjork, Bobby McFerrin, Sting, Emmanuel Ax, Kings Singers, Mormon Tabernacle Choir, Fred Frith e a Orquestra Tradicional de Taipei.

Surda. E nos ensina a ouvir. Porque ela sabe, e nós não.

Fato: a gente ouve mal pra cacete. Como se não bastasse toda a poluição sonora que produzimos e o nosso vício em perceber somente o que queremos e não as coisas como são, tendemos a superdimensionar a escuta por meio dos ouvidos.

Foi preciso alguém perder essa capacidade para (re)descobrir outra. Apurar o tato ao ponto de sentir o som na própria carne. Ouvir com o corpo todo ao invés de usar só uma pequena parte especializada. Melhor usar do que desperdiçar.

Anúncios